Dicas para seu filho comer frutas, legumes e verduras

Dicas para seu filho comer mais frutas, legumes e verduras

É difícil achar por aí uma criança que não tenha passado por ao menos um período de recusa de alimentos — principalmente de frutas, legumes e verduras. É uma etapa normal do desenvolvimento, mas a maneira como os pais lidam com a situação pode influenciar no comportamento alimentar dos filhos pelo resto da vida. Se você está passando por essa situação agora, veja as dicas da nutricionista Caroline Feitosa para ampliar o paladar dos pequenos.

Não faça pressão, chantagem ou barganha

Dizer que a criança só ganhará tal coisa se comer, brigar e pressioná-la é contraindicado. Isso pode criar memórias negativas associadas à comida e fazer com que a criança tenha mais dificuldade de aceitar aquele alimento ou mesmo outros novos no futuro.

Mude o ambiente e o ritual da comida

É comum ouvir do pessoal da escola que a criança come de tudo lá, mas em casa nada. Geralmente, isso ocorre porque na escola há um ritual bem estabelecido, onde todas as crianças sentam juntas, no mesmo horário, comem a mesma coisa e conversam enquanto isso. Que tal replicar esse hábito em casa, comendo todos juntos, colocando os vegetais em todos os pratos e sem distrações como TV e celular?

Seja o exemplo

Boa parte da história de que “criança não come vegetal” é impulsionada pelos próprios adultos, que têm eles mesmos atitudes negativas com frutas, legumes e verduras — tratando-os como algo meramente obrigatório. “Diria que o exemplo dos pais é uma das coisas que mais influencia na aceitação da criança”, destaca a profissional.

Ofereça opções aos pequenos

Ao invés de já chegar com o prato pronto, experimente dar ao pequeno a autonomia para a montagem, mas com regras. Por exemplo, ele tem que colocar ao menos uma verdura ou cinco cores: branco, verde, marrom, laranja e vermelho. Se o tempo for corrido, ofereça ao menos mais de uma opção de verdura.

Tudo bem não gostar de tudo

Pessoas têm preferências muito peculiares e tudo bem se o seu filho não gostar de um determinado alimento. “Se ele não come mandioquinha de jeito nenhum, tudo bem trocar por batata ou outro item da mesma família”, ensina Caroline. O problema é quando ele não quer saber de nada diferente.

 Transforme o prato em uma experiência lúdica

Colocar a comida com uma apresentação divertida é uma estratégia que costuma agradar os pequenos. “O arroz pode ser um rosto, a salada vira um cabelo e por aí vai. Na Internet tem várias inspirações bacanas que podem ajudar os pais e/ou cuidadores a deixarem os pratos mais atrativos”, diz.

Ofereça o vegetal em situações diferentes

Não estamos falando de camuflar, método que só é recomendado quando todos os outros já falharam para evitar deficiências nutricionais. A ideia aqui é picar e preparar em formatos diferentes, sem esconder o que a criança está comendo. “Se ela não gosta de cenoura crua ralada, tente a picada em uma outra receita que ela já gosta, ou em palitos”, ensina Caroline.

Ofereça menos doces e ultraprocessados

Balas, sorvetes, bolachas e salgadinhos contêm muitos aditivos que deixam a comida mais palatável, em especial sal, gordura e açúcar. O excesso e a frequência deles nos primeiros anos de vida, quando a criança está desenvolvendo suas preferências alimentares, pode fazer com que ela perca o interesse por itens de sabor mais suave e in natura.

Procure ajuda se necessário

A fase seletiva tende a passar no máximo até os seis anos de idade. Se persistir, ou ainda se a criança passar a chorar, cuspir ou até mesmo enjoar diante de novos alimentos, melhor procurar ajuda, pois o quadro pode evoluir para transtornos alimentares no futuro.

Deixe um Comentário





Mais conteúdos

A história da coxinha: o salgado preferido dos brasileiros

A história da coxinha: o salgado preferido dos brasileiros

18 de maio é o Dia Nacional da Coxinha e se você ama essa iguaria tipicamente brasileira, trouxemos um pouco.

Aprenda a fazer pizza sem glúten em casa

Aprenda a fazer pizza sem glúten em casa

Brasileiro ama pizza, né? E quem sofre com restrição alimentar pode comemorar que tem receitinha para você também!

Dicas para conservar cada tipo de queijo

Dicas para conservar cada tipo de queijo

Os queijos estão presentes no cotidiano de todo mundo. Mas é preciso ter uma atenção especial quanto ao seu armazenamento,.

Umami: curiosidades sobre o 5º gosto do paladar

Umami: as curiosidades do 5º gosto do paladar

Doce, azedo, amargo salgado e umami. Sim! Existe o 5º gosto do paladar e é sobre ele que você vai.

Sucos que aumentam a imunidade

Sucos que melhoram a imunidade

Ricos em nutrientes, vitaminas e minerais eles fazem muito bem para a saúde e ajudam a fortalecer o sistema imunológico.

Ervas de Provence: cultive em casa e dê um toque francês as refeições

Ervas de Provence: cultive em casa e dê um toque francês nas refeições

Alecrim, tomilho, orégano, manjerona e flores de lavanda formam as Ervas de Provence. O toque francês que você precisava na.