Lanche na brasa: a história do misto quente

misto quente

A ideia básica do sanduíche é combinar um tipo de pão com outros ingredientes e esse costume acompanha o ser humano ao longo da história. O misto quente – também chamado de torrada ou tostex –  é o sanduíche mais famoso do mundo, conhecido por ser um lanche super rápido de ser feito.

Popular em lanchonetes de todas as cidade, a receita do misto quente não tem segredo: entre duas fatias de pão levemente tostadas vão uma generosa porção de queijo derretido e fatias de presunto. O sanduíche pode ser assado, grelhado, prensado na sanduicheira ou até tostado na frigideira ou chapa.

Leia mais -Lanche na brasa: o querido pão com carne louca

O lanche criado pelo Lord Montagu, um homem muito viciado em jogos e por isso não gostava de parar para ter que fazer uma refeição. Desta forma ele colocava fatias de rosbife no meio de duas fatias de pão e foi assim que a história dos lanches rápidos foi mudada para sempre.

Com o passar dos tempo os lanches foram se transformando e em cada canto do mundo foram criadas receitas diferenciadas para poder atender a todos os gostos

Pelo mundo – o “primo” francês

No menu de qualquer respeitável café parisiense, você encontrará esse emblemático sanduíche: o croque monsieur. Na base ele nada mais é do que um misto quente. A verdade é que esse tostex com o tempo foi bem trabalhado, ganhou várias versões e voltou a moda na capital francesa.

Espécie de misto quente gourmet, ele nasceu em um café no Boulevard des Capucines, em Paris, em 1910, como o almoço perfeito: quente, crocante, feito com queijo e presunto.

Croque era o nome dado às torradas de pão de forma passadas no ovo e tostadas na frigideira. Se refere à sua crocância, ao barulho que o pão tostado faz nos dentes. E uma das histórias mais curiosas sobre a criação do (hoje) famoso sanduíche conta que o dono de um dos cafés do Boulevard des Capucines tinha fama de ser canibal e aproveitou isso para fazer piada e atrair clientes: quando inventou um sanduíche gratinado foi indagado por um frequentador do café a respeito da carne que havia sido usada, ele respondeu de la viande de monsieur – “isso é carne de um senhor”. Logo, o sanduíche foi apelidado de croque monsieur ou “senhor crocante”.

Leia mais -Lanche na brasa: conheça o delicioso choripán

Além do tradicional, existem diversas versões e opções do lanche. Tem o croque madame, que é a mesma coisa só que coberto com um ovo frito,o molho usado é o bechamel, mas sinta-se livre para usar outros molhos como o molho holandês, molho de mostarda ou molho de curry. Os queijos e carnes também podem variar de acordo com as suas preferências

Receita

Aprenda a fazer o delicioso Croque Monsieur

  • 250ml de leite
  • 20g de manteiga
  • 2 colheres de farinha de trigo peneirada
  • sal, pimenta e noz moscada
  • 8 fatias de pão de forma
  • 60g de manteiga 
  • 1 colher de mostarda dijon
  • 4 fatias de presunto
  • queijo emmental, gruyère ou prato

Para o molho, em uma panela grande, derreta a manteiga. Em fogo bem baixo, adicione a farinha e não pare de mexer até ficar dourada. Adicione o leite aos poucos e mexa sempre com um fuê até atingir o ponto de molho branco. Tempere com sal, pimenta e noz moscada. 

Passe manteiga e mostarda nas fatias de pão. Intercale com uma fina camada de bechamel, uma fatia de presunto, mais uma fina camada de molho bechamel e o queijo ralado. Coloque a segunda fatia de pão, cubra com mais uma camada de bechamel e mais queijo ralado.

Coloque os sanduíches em uma assadeira coberta com papel alumínio e asse em forno pré aquecido a 240ºC por 15 a 20 minutos. Tire o papel alumínio e deixe mais alguns minutos até dourar a crosta . 

Mais conteúdos

chef flambando

A arte de usar bebidas alcoólicas para flambar

Flambar é um procedimento de cozimento no qual álcool é adicionado a uma panela quente para criar uma explosão de.

aligot

Conheça o Aligot, o purê chic que é uma explosão de sabor

O Aligot é uma especialidade gastronomia francesa que consiste em um purê de batatas mesclado com muito queijo, formando consistência.

bisteca-fiorentina

A venerada Bisteca Fiorentina

A Bistecca alla Fiorentina é um prato típico da Itália, da região de Toscana, onde é venerada. Seu preparo é.

arroz tio joão

Arroz soltinho e saboroso? Veja porque começa no campo

Para um arroz de alta qualidade, o planejamento acontece do campo à mesa para garantir uma qualidade superior, até chegar.

Pão de alho: casquinhas crocantes e recheios cremosos para seu churrasco

O pão de alho é um acompanhamento que faz muito sucesso em churrascos. É possível fazer versões caseiras extremamente gostosas

Ouro da cozinha: as principais especiarias nativas do Brasil

Especiarias nacionais são frutos, raízes e sementes aromáticos. As especiarias possuem um papel fundamental na gastronomia no mundo todo